quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Galeria Virtual Artefeito - Colabore comprando Arte


A Galeria que será inaugurada dia 02 de setembro com a exposição “Minas do Graffiti” na Lacucaracha, traz obras de grafiteiras do Brasil e exterior, que estão a venda para arrecadar recursos para os projetos da Artefeito. A principio a Galeria tem somente artistas femininas como forma de incentivar a produção das mulheres no universo do graffiti. Posteriormente serão disponibilizadas obras de grafiteiros homens, mas o principal critério é fazer um graffiti enganjado em uma causa, assim como faz a própria Artefeito. Além da galeria o Bazar Artefeito traz camisetas, stickers e artesanato com os mesmo conceito. Visite a galeria, conheça as grafiteiras e contribua levando arte para casa. www.artefeito.org

Mais conteúdo no portal da Artefeito

Junto com a Galeria Virtual a Artefeito reformulou o site trazendo mais conteúdo como textos, que abordam mais profundamente questões acerca da realidade dos membros e parceiros da Artefeito. O Portifolio mostra toda nossa história, projetos e ações, do começo em 2003 com o Baixada na Pista ao Graffiti Sonorizado na Lapa e em Nova Iguaçu, e projetos que estamos desenvolvendo. Você pode se cadastrar no nosso mailing para receber as notícias e se conectar na rede da Artefeito no myspace, facebook, e orkut.

A Artefeito na Luta contra a DST/HIV em Guaratinguetá SP



O I Encontro de Hip Hop perguntava: Qual a sua atitude na Luta contra as DSTs/HIV? A Artefeito foi até Guaratinguetá, São Paulo para ajudar a responder essa pergunta.
Através da exposição Minas do Graffiti”, do debate e das performances ao vivo sobre o tema o “Protagonismo feminino na Luta contra DST/HIV” a convite da Zulu Nation Vale do Paraíba e com o apoio da Prefeitura Municipal a Artefeito, junto com o Anticinema, ajudou a abordar esse assunto pouco falado entre os jovens como a Prevenção as DSTs/HIV, a partir da perspectiva das meninas, que tiveram muito a dizer. Ainda rolou apresentação de rappers, free style e break em meio a exibição de vídeos e debates e a presença de King Nino Brown. Fotos em Conecte-se, no site.

Ocupação cultural demolida pela polícia alemã.

Em novembro de 2008 a Artefeito participou do 3° Encontro Presencial do CBB Intercambio, na Alemanha, participando de diversas experiências com grupos autônomos. Uma delas foi o evento na Casa Ocupada em Erfut, a Topf & Söhne, antiga fabrica que entre seus produtos fornecia fornos crematórios durante o Holocausto. Ocupada em 2001 com a preocupação em contar essa história para que não se repita foi transformada em um verdadeiro centro de cultura independente, grafitada por grafiteiros de diversas partes do mundo promovia shows de metalcore, punk e musica eletrônica.
Em abril a Polícia alemã invadiu a casa, expulsou os ocupantes e demoliu o local, por ordens dos proprietários que pretendem transformar o terreno em apartamentos e supermercados.

Manifestamos aqui nosso apoio às ocupações e a resistência ao domínio do capital sobre o ser humano. Veja a operação executada pela Polícia contra os ocupantes.

parte 1: http://www.youtube.com/watch?v=B1VafoOfUoc
parte 2: http://www.youtube.com/watch?v=u7_PeRub-0U

Veja a matéria sobre nossas experiências com as ocupações alemãs em Textos, no site.